sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

































CNGM apoio no XXVI Congresso e Canoas a criação da AGMURS .






O conselho entre suas atribuições esta dando apoio aos guardas municipais para criação de entidades fortes e serias na luta pela classe Guardas Municipais . Assim com uma potencialização e união ficaremos mais fortes e aglutinados. 
Trabalho serio e honrado de colegas e profissionais . Se da para o crescimento e fortalecimento da classe. 



















Agenda com Clóvis Eduardo Pereira Presidente em exercicio do CNGM, Braulio Santana Pedroso Vereador eleito em Canoas RS e Presidente Regional Sul do CNGM Eduardo Borges buscando experiências e projetos para Segurança .




sexta-feira, 2 de setembro de 2016

CONSELHO NACIONAL DAS GUARDAS MUNICIPAIS
NOTA DE ESCLARECIMENTO
CNGM / ANFGM


O Conselho Nacional das Guardas Municipais - CNGM é uma entidade de direito privado, de interesse público, sem fins lucrativos, que se pauta pelos princípios que regem o Direito Público, com a finalidade de representar os interesses comuns das Guardas Municipais.

O Conselho Nacional das Guardas Municipais - CNGM é a única entidade representativa das Guarda Municipais, reconhecida pelo artigo 20 da Lei Federal n.º13.022/2014 (Estatuto Geral das Guardas Municipais).

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM, é um órgão subordinado, mantido e organizado pelo Conselho Nacional das Guardas Municipais – CNGM, como estabelecimento de ensino de atividade policial, destinado a formação, treinamento e aperfeiçoamento dos integrantes das Guardas Municipais, tendo como princípios norteadores os mencionados no art. 3º da Lei Federal n.º 13.022, de 08 agosto de 2014.

A sede da Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM, fica localizada na rua Nestor Victor, 960, Bairro João Gualberto, CEP. 83.203.540, município de Paranaguá, Estado do Paraná, cujo terreno pertencente à Prefeitura Municipal de Paranaguá.

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais – ANFGM, além de ser supervisionada pela Diretoria Executiva do Conselho Nacional das Guardas Municipais, ainda, dispõe, de vários órgãos de controle interno, como: Conselho Diretor da ANFGM, Conselho de Instrutores da ANFGM, e Conselho Gestor do Fundo de Apoio ao Ensino das Guardas Municipais. 


Quando houver repasse de recursos financeiros através de convênios, estes, serão controlados pelo Tribunal de Contas da União e fiscalizado pelo Ministério Público Federal.


Conclusão: 

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM não é uma empresa privada. Esclarecendo que empresa privada é proibida de celebrar convênios com os órgãos do Poder Público.

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM, não tem dono, pois sua diretoria é eleita junto com a Diretoria Executiva do Conselho Nacional das Guardas Municipais. 

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM tem sua atividade econômica reconhecida na Receita Federal como CÓDIGO DE SEGURANÇA E ORDEM PÚBLICA, portanto, o mesmo código classificado aos demais órgãos segurança pública, inclusive o mesmo código da Academia Nacional de Polícia (Polícia Federal).

A Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais - ANFGM é uma vitória e pertence a toda Nação Azul Marinho!!!


Gerson Nunes Pereira
Diretor Geral
Academia Nacional de Formação das Guardas Municipais


quinta-feira, 1 de setembro de 2016


Agora de Fato e de Direito 

ACADEMIA  NACIONAL DE FORMAÇÃO DE GUARDAS MUNICIPAIS 

-ANFGM-




quarta-feira, 24 de agosto de 2016

O CNGMagradece a todas e todos Guardas Municipais das cidades de Sapucaia do Sul, São Leopoldo, Estância Velha e Montenegro, ao apoio prestado ao acompanhamento da chegada da Tocha Olímpica  a cidade de Novo Hamburgo .

O CNGMsó vem enobrecer  em nome  da Guarda Municipal de Novo Hamburgo  o excelente trabalho realizado e o espírito de união fraternal entre as instituições . 

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Prefeito abre capacitação

 inédita para 

Guardas Municipais do

 Estado do Rio Grande do Sul



A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Guarda Municipal (GM) da Secretaria da Segurança Pública e Proteção Social (SSPPS), com o apoio do Programa Municipal de Pacificação Restaurativa - Caxias da Paz e do Programa Justiça Restaurativa para o Século 21 do Tribunal de Justiça do Estado, promove uma capacitação inédita para os guardas municipais do Rio Grande do Sul. O curso "Os Círculos de Construção da Paz e as Práticas Restaurativas aplicadas no contexto de trabalho das Guardas Municipais" iniciou na manhã desta quinta-feira (18.08), com a presença do Prefeito Alceu Barbosa Velho. A atividade continua nesta sexta-feira (19).

Na sede do Centro de Ações Preventivas da GM, o Prefeito Alceu Barbosa Velho disse que Caxias do Sul está honrada em receber os representantes de 10 Guardas Municipais do Estado. “Nosso objetivo era realmente iniciar esse trabalho aqui em Caxias, de forma efetiva e atuante para tomarmos os bairros onde já temos os núcleos restaurativos. Eu entendo que a Justiça Restaurativa é a melhor alternativa. Eu a conheci na prática quando estava na Assembleia. Vi que essa era a primeira mudança. A Justiça Restaurativa vê numa possibilidade de confronto, restabelecer e não deixar o confronto acontecer. E é exatamente isso que nos interessa, a paz. Então, além de exercermos a Justiça Restaurativa, temos que valorizar e modernizar as Guardas Municipais”, disse agradecendo a presença de todos e homenageando o Guarda Municipal ferido no início do mês durante um assalto a relojoaria.

A capacitação tem como objetivo sensibilizar as lideranças das Guardas Municipais do RS para a importância da aplicação das práticas circulares e restaurativas no contexto de trabalho profissional e institucional; socializar as experiências exitosas da GM de Caxias do Sul na construção de novas formas de relacionamento social, pautadas pela cultura da paz; contribuir para o fortalecimento da identidade das Guardas Municipais como forma policial cuidadora, protetiva e cidadã no campo da Política de Segurança Pública; e fortalecer os laços de relacionamentos interinstitucionais das GMs, criando espaços de solidariedade e apoio para uma identidade profissional coletiva.

Também estavam presentes, o juiz de Direito e coordenador Estadual do Programa Justiça Restaurativa para o Século 21 do Tribunal de Justiça do Estado do RS, Leoberto Brancher, o secretário municipal da Segurança Pública e Proteção Social em Exercício, Samuel Avilla, o titular da pasta (em férias), José Francisco Barden da Rosa, o diretor da GM, Ricardo Fugante Martins, o gerente da Escola de Capacitação da GM, Jeferson Ricardo Vargas, guardas municipais de Caxias do Sul e do Estado.

Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Caxias




sexta-feira, 12 de agosto de 2016

O CONSELHO NACIONAL DAS GUARDAS MUNICIPAIS - CNGM
APRESENTAR  MODELO DE DENÚNCIA,

PROCURADOR DA REPÚBLICA 
MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL 


 AUSÊNCIA DE RECURSOS MATERIAIS, INVESTIMENTOS E ADEQUAÇÃO LEGISLATIVA